quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Um dia a menos


Quando eu era pequenina dizia que ela era a minha tia preferida e adorava ir a sua casa.
Tinha sempre um lanche com chá e fatias douradas.
O chá era servido em chávenas e as fatias douradas eram quentinhas.
Tudo era degustado na mesa do barracão onde havia uma chaminé de fazer lume e pilhas de grades de cerveja Cergal e de sumo com um nome que agora não me lembro.


Os seus bolos eram muito famosos nas conversas em minha casa mas nunca a tinha visto fazer nenhum, até um dia.
Nesse dia via-a pegar na forma e untá-la com banha.
Até parecia mal untada com pequenos nózinhos de banha mal espalhada. Os ingredientes foram misturados sem grande cerimónia, despejados para a forma e enfiados no forno.
Sinceramente, no meu entender de criança, não dei muito por aquilo mas... ainda hoje, já com a memória do momento um pouco desvanecida pelo tempo, me parece impossível com foi possível o bolinho ter saído tão bom, nem cru nem queimado, e ter saído tão bem da forma.
Quem tem talento, tem mesmo.

Agora ela foi embora e não vão ser as lágrimas que já derramo, as orações que poderei rezar, ou as flores que poderei levar-lhe, que vão permitir-me viver com ela os momentos que podia ter vivido e não vivi.
Porquê?
Porquê é que no meio das nossas actividades diárias não encaramos verdadeiramente de frente a realidade de que um dia tudo vai embora e depois não há mais hipótese?
As pessoas que temos não são um dado adquirido que teremos sempre e podemos deixar para amanhã. Não, não são.
Estou tão triste, tão desgostosa.

Estou mais pobre.

20 Comments:

Blogger Maria Vicente said...

é mesmo miga.
beijinho grande para ti.

04 dezembro, 2008 12:00  
Blogger apm said...

Bjinho e força

04 dezembro, 2008 14:57  
Blogger turbolenta said...

Quando aqueles que amamos partem é que nos apercebemos mesmo das profundas saudades que nos deixaram.Essa certeza de nunca mais as vermos aumentam esse amor e essa saudade.
É o fim que nos espera a todos.
Esteja ela onde estiver, podes ter a certeza que sabe quanto gostavas dela.
boa semana

04 dezembro, 2008 15:04  
Blogger Lau said...

O Maria João, meus pêsames, sinto mto por sua perda, sempre tão triste =(
Mas a vida infelizmente é assim...
Força amiga!
Bjinhus no coração!

04 dezembro, 2008 15:07  
Blogger Carla Iglesias said...

Querida,
Lamento muito a tua perda.
Mas é mesmo assim, quando perdemos as pessoas ou estamos perto de as perder é que vemos que deviamos ter dado mais importancia ás coisas e aproveitado mais a sua presença.
Por vezes andamos no corre corre da nossa vida e esquecemos de tudo

Um beijo grande e força
Carla

04 dezembro, 2008 15:18  
Blogger Carina M said...

Lamento pela tua perda, mas sabemso que um dia irá ser assim.
Bjs

04 dezembro, 2008 15:40  
Blogger Natércia said...

Minha querida Maria João!!!Lamento a perda é sempre uma vida por isso mesmo estou de acordo sempre em viver só por hoje.Hoje faz um ano que fui internada mesmo a bater as botas mas Deus quiz que eu ainda cá esteja embora a minha saude seja muito pouca...mas é tão bom viver mesmo um dia de cada vez,e já ter visto nascer o meu neto João tão fofinho.Um beijinho para a minha mais fofinha Maria João...

04 dezembro, 2008 17:55  
Blogger Joanita said...

Olá! Lamento muito a tua perda... Força!

Um beijinho!

04 dezembro, 2008 18:50  
Blogger albana said...

olá João
lamento a tua perda, custa sempre ficarmos sem a presença fisica de quem gostamos e apenas ficarmos com as lembranças...mas essas ficam e ninguem as leva...a sensação é sempre essa "ficou tanto por fazer ficou tanto por dizer"

força e um bjinho
albana

05 dezembro, 2008 09:13  
Blogger a mãe dos reguilas said...

esta é a grande verdade da vida- ficamos mais pobres quando uma pessoa que amamos se vá...
força e beijinhos
(é bom ter noticias vossas)

05 dezembro, 2008 12:59  
Blogger Patricia said...

é verdade... às vezes nao sabemos/conseguimos valorizar as pessoas, só quando as perdemos é que pensamos no que poderia ter sido e não foi...

um beijinho

05 dezembro, 2008 20:00  
Blogger olharbiju said...

Olá minha querida.
Os meus sentimentos.
Tens tanta razão no que escreveste.
Digo tantas vezes isso aos meus flhos, e penso tambem tantas vezes de como estou arrependida por não ter estado mais tempo com pessoas de familia e amigos que já partiram.Parecem "frases feitas",mas não são!
Aterefadas/os com o nosso dia,a dia, os nossos problemas,que esquecemos de dizer tão simplesmente:
olá,tem um bom dia...
Olá,precisas de alguma coisa?...
olá,está tudo bem?...
Olá,gosto muito de ti...
O telefone está sempre à mão e os TELEMÓVEIS...não há quem não tenha para enviar uma simples,mas importante MENSAGEM.
Amiga, deixo-te o meu abraço cheio de carinho, e muitos beijinhos para os teus tesouros.
alice

05 dezembro, 2008 21:32  
Blogger Eu e Tu...Relatos nossos.. said...

Sinto muito minha querida :(

Beijinhus

07 dezembro, 2008 14:42  
Blogger Lisa_pt + Gil said...

Foi com lágrimas nos olhos que li o que escreveste... estou a preparar-me para deixar o meu avô partir... e sinceramente preferia que partisse o quanto antes, já não suporto vê-lo naquele estado... E os últimos dias têm-me sido muito dolorosos, até porque preferia ter assim apenas imagens bonitas dele, mas os últimos dias têm-me prporcionado imagens dolorosas de esquecer...

Temos de os deixar partir e deixá-los ir em paz...

Beijinhos apertados!

09 dezembro, 2008 10:02  
Blogger Tita said...

Porque é que choramos uma das coisas masi naturais da vida? Porque amamos quem se foi. Temos as recordações de coisas boas e de coisas más. Lamento a tua perda. bjs

10 dezembro, 2008 14:18  
Blogger turbolenta said...

PAssei para desejar Feliz Natal

13 dezembro, 2008 15:48  
Blogger Maria Vicente said...

Obrigado miga. Beijinhos para voces.

13 dezembro, 2008 18:17  
Blogger Mayra Lacerda said...

oi querida!!!
passando para agradecer as visitas e os comentários!!!
Beijinhos
ótima semana
Xau

15 dezembro, 2008 11:05  
Blogger Faniquito said...

Mensagem de natal ... para as amigas blogueiras


Natal é a presença de Jesus em nossos corações,
não só representa a fé, mas a vida,
O nascimento do Filho de Deus!

A consciência de família, amor, paz, felicidade!

Que o sentido do Natal esteja sempre presente em nosso dia a dia e que a esperança seja um objetivo concretizado.

Feliz Natal

Beijinhos
Ana

21 dezembro, 2008 21:33  
Blogger albana said...

Ola
passei para desejar um Bom Natal,
Que a Luz do Menino Jesus ilumine o vosso Lar e encha de alegria os v/corações.
Beijinho para a rosinha e o azulinho
Bjinho especial para ti
albana

23 dezembro, 2008 08:36  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home